Inadimplência ZERO: como controlar as contas na sua imobiliária

Se você faz a gestão de contas dos imóveis na sua imobiliária e tem dificuldade para controlar a inadimplência, esse texto é para você! Quero te dar algumas dicas que podem te auxiliar a atingir a inadimplência zero dos seus clientes. 

Sobretudo porque sabemos o quanto o aumento desse índice pode ser prejudicial ao seu negócio. 

Além disso, outro fator que me motivou a escrever esse artigo veio deste dado aqui:  23% da inadimplência no Brasil corresponde a contas básicas como luz, água e gás. 

Pois é! E eu sei que é bastante complexo para uma imobiliária controlar todas essas contas, já que é preciso lidar com diversos imóveis e clientes diferentes ao mesmo tempo.  

Ao conversar com algumas imobiliárias, percebo também que elas ainda recorrem a processos manuais e repetitivos para tentar dar conta dos prazos e não deixar nada para trás. 

Por isso, o que vou apresentar aqui são uma série de dicas que ajudam a controlar esse índice na sua imobiliária e, consequentemente, minimizar os resultados negativos. 

Confira a seguir o conteúdo que preparei para auxiliar na gestão de contas dos imóveis no seu negócio. 

Acompanhe a leitura!

1. Organização financeira como prioridade 

Boletos de IPTU
Vetor por Vecteezy

A inadimplência nada mais é do que a falta de pagamento de algum produto ou serviço, certo? Porém, sabemos que não é tão simples assim! 

A ausência desse valor pode ser muito prejudicial para o fluxo de caixa de uma empresa, afetando diretamente a saúde financeira do negócio. 

Sendo assim, é necessário que haja um bom planejamento financeiro para que as contas fiquem equilibradas. 

E, portanto, torna-se essencial priorizar a organização financeira do negócio. Dessa maneira, tanto o setor quanto às contas estarão estruturadas para lidar com possíveis clientes inadimplentes, o que é cada vez mais comum no Brasil. 

Atualmente, mais de 40% da população brasileira está inadimplente, de acordo com dados de agosto de 2022 coletados pelo Serasa

Também por conta desse cenário tem se tornado indispensável que os negócios estejam cada vez mais preparados para gerir essa situação. 

 

2.Entenda quem são os seus clientes 

Para se ter um bom planejamento financeiro, é interessante entender o cenário atual da empresa, certo? 

Nesse sentido, também é importante entender mais sobre quem são os seus atuais clientes. 

Isso mesmo! É a partir desse entendimento que você irá conseguir traçar o perfil de cada um deles e saber qual estratégia se deve utilizar nos casos que houver inadimplência. 

A partir disso, será possível mapear os clientes que pagam de forma antecipada, os que já atrasaram em algum momento, se já houveram renegociações, quais as formas de pagamento geralmente utilizadas e assim por diante. 

Com essas informações em mãos, o atendimento aos clientes será mais assertivo, da mesma forma que você terá mais facilidade para montar um planejamento financeiro de acordo com o atual cenário da empresa. 

 

3 – Atualize-se, sempre!

Se você leu até aqui já um indicativo que está buscando se atualizar, o que é muito importante, sobretudo no mercado imobiliário que está em constante transformação. 

Mas, além de se atualizar com novos conteúdos e conceitos do mercado, é interessante seguir olhando para dentro e acompanhando o cenário atual da empresa e dos seus clientes. 

Afinal, muita coisa pode mudar e é importante estar preparado e ciente para que se possam tomar decisões estratégicas. 

Dessa maneira, a dica que eu dou é aperfeiçoar cada vez mais o cadastro dos seus clientes, para que a equipe tenha sempre atualizada a situação da inadimplência. 

Ou seja, se há o aumento ou não de clientes inadimplentes, quais têm sido as formas mais assertivas para renegociar a dívida e assim por diante. 

Nesse caso, é importante contar com um software de CRM para centralizar todos esses dados e facilitar o acesso das equipes à essas informações. 

 

4- Invista em um bom relacionamento com seus clientes

Vetor por Vecteezy

Para ajudar a controlar a inadimplência na sua imobiliária, é interessante que se busque maneiras para trabalhar essa questão de maneira humanizada, com empatia e transparência. 

Afinal, muitas vezes essa situação acontece porque o cliente está passando por um momento difícil financeiramente. 

Sendo assim, é muito importante que se construa um bom relacionamento com esse cliente, a fim de solucionar o problema da melhor maneira possível. 

Uma das alternativas que podem ajudar é oferecer outras formas de pagamento, buscando facilitar a quitação da dívida.

O parcelamento do valor, por exemplo, pode ser uma saída para manter um bom relacionamento com esse cliente e, ao mesmo tempo, salvar as contas da sua imobiliária. 

Seja como for, o ideal é buscar entender a situação do cliente e ser transparente durante todo o processo, inclusive com o proprietário do imóvel. 

Afinal, ele também é um dos principais afetados com a ausência do pagamento. 

Mas eu sei o quão difícil é para a imobiliária comunicar todas as partes envolvidas em cada etapa do processo. Para isso, sugiro contar com o apoio da tecnologia! 

Falo sobre isso no nosso último tópico. 

 

5. Utilize a tecnologia a seu favor 

Um passo importante para que se possa atingir o objetivo da inadimplência zero dos seus clientes é o uso da tecnologia a favor do seu negócio. 

Atualmente, existem ferramentas desenvolvidas especialmente para facilitar a rotina da equipe financeira na imobiliária e garantir mais segurança aos clientes. 

Uma delas é o NiaGo, tecnologia que realiza de forma automatizada a busca por boletos, extrai dados para geração de arquivos de pagamento e retorna contas inadimplentes. 

Além disso, o NiaGo gera relatórios inteligentes para que sua equipe possa gerir as contas dos imóveis administrados.

Esses relatórios completos ajudam a equipe financeira da sua imobiliária a não perder o controle das cobranças em aberto, mantendo a saúde financeira da imobiliária.

Da mesma forma, a ferramenta evita que ocorra a perda de prazos, o que pode acarretar em juros altos e prejudicar o seu fluxo de caixa. 

Com o NiaGo, já auxiliamos a administrar mais de 30 mil imóveis somente em 2022. 

De forma simples e rápida, também podemos ajudar a reduzir os índices de inadimplência e controlar as contas na sua imobiliária.

Para conhecer de perto a ferramenta, basta se cadastrar na plataforma go.nia.tech. 

Será um prazer enorme ajudar o seu negócio a gerir as contas dos imóveis. Para falar com a nossa equipe, entre em contato através deste formulário. 

Espero ter ajudado com esse conteúdo! Vamos juntos viver a revolução digital nos negócios imobiliários! 

Grande abraço!

Compartilhe